11 setembro 2015

{Resenha} Seis coisas impossíveis - Fiona Wood



Sinopse:"Dan Cereill levou um encontrão da vida: seu pai faliu, assumiu que é gay e separou-se de sua mãe, tudo de uma vez só. Enquanto isso, sua mãe recebeu de herança uma casa tombada pelo patrimônio histórico que cheira a xixi de cachorro, mas que não pode ser reformada... E, agora, Dan está vivendo em uma casa-relíquia que parece um chiqueiro, com uma mãe super triste e sem conseguir falar com o pai — que ele ama muito. Suas únicas distrações são sua vizinha perfeita, Estelle, e uma lista de coisas impossíveis de fazer, como: 1. Beijar a garota. 2. Arrumar um emprego. 3. Dar uma animada na mãe. 4. Tentar não ser um nerd completo. 5. Falar com o pai quando ele liga. 6. Descobrir como ser bom e não sair abandonando os outros por aí... Mas impossível mesmo será: 1. Não torcer para que Dan supere seus problemas. 2. Não rir muito com os devaneios dele. 3. Não querer ter um cachorrinho como Howard. 4. Não desejar que a mãe de Dan encontre a felicidade. 5. Parar de ler este livro. 6. Não querer abraçar o livro depois de tê-lo terminado..."





Autor: Fiona Wood
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013
Páginas: 272

Dan é filho único e um menino muito mimado pelos pais. Porém, essa realidade muda quando o negócio da família vai à falência, seu pai se declara gay e se separa de sua mãe. E tudo isso só com 14 anos. Sem casa, sem dinheiro e sem escola ele se muda para a casa da velha e falecida tia Adelaide administrada pelo patrimônio histórico. A mansão entupida de coisas antigas e com cheiro de xixi de cachorro é a melhor opção para a mãe e o filho que viam como uma oportunidade de, pelo menos, possuir um teto. Isso muda quando ele vê Estelle pela primeira vez. A sua vizinha, linda e inalcançável, parecia nunca o notar mesmo com os maiores esforços e quando isso acontecia ele sempre fazia papel de bobo. Com as lembranças da escola antiga, com apenas Fred como amigo e com apelido de loser e nerd ele vê nessa vida uma oportunidade de mudança. Assim ele cataloga no seu diário, 6 coisas impossíveis acontecer: 

1. Beijar Estelle
2. Arrumar um emprego
3. Da uma animada na mãe 
4. Tentar não ser um nerd completo 
5. Voltar a falar com o pai 
6. Ser bom 

Além de tudo, ainda tem que lidar com sua mãe afundando o próprio negócio de bolos de casamento, Oliver que mora no celeiro e a responsabilidade de ajudar com as despesas da casa e o cuidado com o cachorro. Mas, no antigo sótão da casa ele encontra uma supresa. Ele é interligado com o da casa de Estelle. E lá, ele percebe, que é como um esconderijo para ela, onde guarda seus diários...

“(...) Pelos no rosto, nariz inchado, olho roxo, roupas que não me servem direito – esse lance de me tornar um cara descolado está dando super certo!”

Quando abri as primeiras páginas achei que realmente era uma leitura para uma tarde, apenas mais um romance adolescente onde ele seria o errado e ela a menininha perfeita. Porém, ele se mostrou muito mais que isso. Fiona me conquistou com um personagem principal cativante. Dan no começo é tímido, inseguro e totalmente loser, com o passar dos fatos ele vai amadurecendo e isso que chama mais atenção. Você cresce junto com o personagem. 

Em alguns momentos ele chega a ser birrento e imaturo, o que faz algumas partes perderem a graça. A história confusa dele e de Estelle é um ponto que ela ganhou comigo que não tem como não notar. É quase imprevisível o desfecho da história. Com os problemas todos sobre as costas praticamente o livro todo, no final, Dan não deixa nada a desejar e vence com o  seu carisma. 

Um comentário:

  1. Olá!
    Não conhecia esse livro, parece ser bem divertido mesmo!
    Estou seguindo aqui, se puder, visite o meu blog!
    =D

    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir